Caixa de Pandora

Um serious game para capacitação de profissionais de saúde



    A motivação para este projeto surgiu de uma pesquisa de abordagem qualitativa realizada em um serviço de atenÁão primária em saúde, localizado na cidade de João Pessoa, Brasil. Em entrevistas realizadas com profissionais, estes relataram suas dificuldades em reconhecer e abordar a violência no interior do serviço. A pesquisa concluiu que as práticas profissionais não atendem aos pressupostos das políticas públicas de saúde da mulher e que a violência contra a mulher é invisibilizada no serviço pela falta de registros e notificação dos casos.

    A abordagem do jogo Caixa de Pandora foi orientada para o enfrentamento do problema da violência contra a mulher, com foco na capacitação dos profissionais de saúde.

Abrir a Caixa de Pandora significa compreender a questão da violência contra a mulher

enquanto um problema social que impacta na vida e na saúde das mulheres que a sofrem.



Abertura do jogo.



    Considerando a violência como um problema social, fruto das desigualdades entre os gêneros, que representa uma violação aos direitos humanos femininos e se constitui num grave problema de saúde pública em todo mundo, os conceitos Gênero, Direitos Humanos e Saúde foram considerados como categorias principais do conteúdo pedagógico do serious game.


Conceitos abordados no jogo Caixa de Pandora.



    Por se tratar de um problema complexo, observou-se que os domínios do aprendizado a serem tratados no jogo incluem tanto a parte cognitiva quanto afetiva. Outra característica importante a se destacar sobre o jogo foi a sua abordagem construtivista do problema. Assim, o jogo convida o jogador a refletir sobre o problema a partir da experiência de vida de Marta, uma mulher vítima da violência por seu companheiro que busca o serviço de saúde.

    O jogo é composto por 3 fases:

  • a infância de Marta,
  • a vida adulta de Marta,
  • a busca de Marta por atendimento em saúde.


    
Cenas do jogo.


    A cada fase, os conceitos de gênero, direitos humanos e saúde são tratados de forma individual ou combinada, sendo que o comportamento e as reações do jogador (verificado pelas suas respostas) são monitorados utilizando-se um modelo baseado em Psicometria desenvolvido pelo LabTEVE. Assim, a partir de sua compreensão do problema, o jogador pode continuar o jogo ou ser convidado para reiniciar a sua tentativa de auxiliar Marta e abrir a Caixa de Pandora.

    O jogo foi validado na rede de saúde de João Pessoa com profissionais das Unidades de Saúde da Família. O jogo Caixa de Pandora ť um software registrado junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial e está disponível para download gratuitamente.


Download Caixa de Pandora



Equipe


  • Luana Rodrigues de Almeida
  • Ana Tereza Medeiros
  • Liliane dos Santos Machado
  • Roberto Gomes (ilustrações)
  • Igor de Tarso (áudio)




  Voltar
© 2006-2017 LabTEVE